sábado, 27 de março de 2010

eu nunca tive tempo, implorei, então, pra que ele parasse, eu nunca tive uma boneca, e pedi uma no natal passado, eu nunca usei salto alto, e pedi um pra ser mais atraente, eu nunca tive paz, pedi -claramente- em tamanha quantidade, eu nunca beijei na chuva, pois assim eu peço. eu que nunca sonhei, pedi mais imaginação, eu que nunca bebi, pedi um conhaque, eu que nunca fumei, pedi um cigarro, eu que sempre tive tudo pela metade, pedi, entao, por inteiro, eu que nunca amei, pedi um amor.

8 comentários:

  1. "eu que nunca amei, pedi um amor"
    achei lindo! To seguindo :)
    um beijo.

    ResponderExcluir
  2. lindo!! adoro essas reflexões! vou seguir tbm! se quiser passá lá : http://shelovesthesunrise.blogspot.com

    bjs!

    ResponderExcluir
  3. Lembrou-me a música ''Eu que não amo você'' Do Engenheiros do Hawaii''.
    Lindo e doce teu texto.

    ResponderExcluir
  4. ola sou Jéssica, muito legal seu blog e essa sua menssagem também, vou te serguir

    ResponderExcluir
  5. eu que nunca amei, pedi um amor[2]

    to seguindo aqui, amei seu blog

    ResponderExcluir